sábado, 28 de março de 2009

.

Amigos,
acho que estou convencido a fazer mesmo um blog. A ajuda inicial (isto é, quase tudo) foi de Leonardo, meu filho, que armou a coisa toda. Mas vou contar também com a ajuda de vocês – comentários, sugestões etc.

Meu abraço,

Antonio Brasileiro

36 comentários:

  1. Brasileiro;
    o nascimento do seu blog é um evento que merece comemoração; não é sempre que um artista se aproxima do público como você faz agora, e isso é maravilhoso. Parabéns a você, por sua arte; a Leo, pelo blog maravilhoso que editou. Saiba que eu também me sinto um pouquinho responsável pelo filhote, pelas conversas sobre blog. Rssss... Um forte abraço e muito sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Que bom poder conhecer as obras de arte de Brasileiro. E verdade que ja conhecia algo desde a casa de Leo, mas esse blog me possibilitou tornarme fa!!!! A D O R E I!!!! ADOREI MESMO!!!! Os de crayon e nankin sao espetaculo, quanta vida! Espero esta por ai quando façam uma exposiçao no MAM. Vou ficar muito feliz principalmente por Feira de Santana e por Leo que tanto propaga e valoriza o potencial da sua cidade e as obras de seu pai. Lindo e tenho uma ideia!!! Com as pinturas das mulheres poderiam fazer uma agenda especial. Pensem nisso! Seria lindo e assim eu e um montao de gente poderiamos ter essas obras maravilhosas nas nossas casas!!! Um abraço

    ResponderExcluir
  3. Bartira, muito obrigado pelos elogios.
    Vou pensar na sugestão da agenda.
    Mue abraço, Brasileiro

    ResponderExcluir
  4. Leni,
    obrigadão por tudo.
    Abraço,
    Brasileiro

    ResponderExcluir
  5. Brasileiro,
    felizmente existem máquinas fotográficas! Perdi a performance, mas tive o direito de ver a composição. Também fiquei muito feliz por poder ler alguns de seus poemas aqui e melhor ainda, poemas que aprecio MUITO. Um forte abraço.

    ResponderExcluir
  6. Querido poeta, a quem tanto devo e pouco dei:

    Dar de cara com uma surpresa de tal monta, onde a plástica e a palavra se harmonizam feito dois corpos que se querem numa cama, mexe com toda arquitetura da alma daqueles que, como eu, foram ungidos com o talho da arte em sua pele.

    Ela pensa que sim, a blogosfera (como o pai da moça no Cinema Secreto, lembra?), mas nunca mais será a mesma.

    Um abraço

    E.C.

    ResponderExcluir
  7. Caroso amigo,
    bom ter você mais perto, mesmo virtualmente. Mas vamos nos ver de verdade e aí será uma alegria. Vai meu grande abraço, Brasileiro

    ResponderExcluir
  8. Dominique Stoenesco8 de abril de 2009 17:04

    Que ótima iniciativa ! Se a arte da vida consiste em fazer da vida uma obra de arte, então vocês, Brasileiro e seu filho Leonardo, estão de parabéns! Um belo blog, onde a lucidez da poesia se associa ao mistério das cores e das formas. Aprecio há muito tempo a poesia de Antonio Brasileiro, uma poesia na qual lirismo e modernismo se dão maravilhosamente bem. É também uma poesia livre, “inútil” – como ele afirma – porque não serve nem para tomar o poder nem para ganhar dinheiro. Enfim, gosto da poesia de Brasileiro porque ela toca o ser humano e interroga sobre sua origem e seu destino, sobre sua “inquietação de estar no mundo. Podem contar com a minha cumplicidade para divulgar este blog pelas terras de França.
    Dominique Stoenesco

    ResponderExcluir
  9. antonio brasileiro8 de abril de 2009 21:20

    Meu caro Dominique, muito obrigado pelo comentário e pela força que vai dar aí pela França. Amigo e tradutor de minha poesia, você também é parte desse exercício de se mostrar um pouco mais através de um blog.
    Um grande abraço, Brasileiro

    ResponderExcluir
  10. Salve, Mestre Brasileiro! Cá no meu canto, arrojo aos ares um foguete virtual para saudar o surgimento de seu blog.
    Grande abraço, Carlos Machado

    ResponderExcluir
  11. Antonio Brasileiro9 de abril de 2009 17:13

    Carlos Machado, amigo,
    me disseram que, com o blog, comecei a sair da toca, mas não sei não. Tudo ainda me parece estranho, sobretudo a grande quantidade de pessoas que já anda "me visitando". Mas muito obrigado pelo seu "foguete virtual".
    Um abraço do seu
    Brasileiro

    ResponderExcluir
  12. Estive todo o tempo a ouvir o seu nome, desde o tempo da UEFS e fora dela. Encontrar um blog seu e ter a oportunidade de enviar-lhe um comentário, emociona-me e causa-me grande alegria. parabéns pela iniciativa e boa sorte com o blog. certamente fará muito sucesso.
    Já que resolveu entrar no rol dos blogueiros,ouso-me fazer-lhe um convite: que tal, o senhor fazer-me uma visita?
    http://otelicesoares.blogspot.com
    Um grande abraço.

    ResponderExcluir
  13. Antonio Brasileiro24 de abril de 2009 18:59

    Lice, dei uma primeira olhada no seu blog, por enquanto um pouco por alto, mas li duas vezes o poema O Vento, que muito me agradou.
    Obrigado pelo comentário, um abraço do
    Brasileiro

    ResponderExcluir
  14. Saudações, caro Brasileiro.

    O blog está belíssimo! Excelente iniciativa, sem dúvida.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  15. Antônio Brasileiro,

    Conheci a sua poesia em 2005. Foi uma alegria! De lá para cá, dois dos seus livros (Dedal de Areia e Poemas Reunidos) ficam permanentemente na minha cabeceira... Não poderia lhe dizer qual dos poemas mais gosto. Gosto de todos! Abro os seus livros em páginas ao acaso e me defronto com um poema que poderia escolher entre os demais. Contudo, lembro-me de dois que sempre releio: O VENTO E A PEDRA e UN COUP DE DÉS. Ah! O CAVALEIRO é um absurdo de belo. Bem... Chamo-me Flora Nunes (flora-nunes@hotmail.com) e apresento-me como alguém que gosta de ler poesia. Um abraço, Flora.

    ResponderExcluir
  16. Antonio Brasileiro16 de maio de 2009 18:30

    Olá Flora, fico muito feliz com seu comentário - palavras como as suas é que justificam nosso fazer.
    Meu abraço,
    Antonio Brasileiro.

    ResponderExcluir
  17. Oi Antônio Brasileiro!

    Sou eu novamente, Flora. Permita, então, transcrever um poema seu que acho belíssimo, intitulado, Coisas Guardadas:

    COISAS GUARDADAS

    Florzinha branca,
    quando eu me libertar de tudo isso...

    ResponderExcluir
  18. Oi, Tio Tuninho! Fiquei sabendo na semana passada sobre a indicação e a sua eleição para a Academia de Letras da Bahia. Queria dizer que fiquei muitíssimo feliz e super orgulhoso! Faço questão de ir para a posse e já pedi para o pessoal avisar. Um abraço, Ciro.

    ResponderExcluir
  19. Caro António,
    vou fazer uma hiperligação com o seu blogue, claro! E fico à espera de nova almoçarada aqui por Lisboa.
    Um abraço

    Victor Oliveira Mateus

    ResponderExcluir
  20. Prezado Brasileiro,

    Bela iniciativa. Sucesso. E.

    ResponderExcluir
  21. Olá Prof. e meu mais novo poeta de cabeceira, Antonio Brasileiro. Enacantada com sua poesia que convida a pensar a todo tempo no que somos e no que vemos, resolvi fazer um singelo artigo sobre alguns peomas do livro Poemas Reunidos.

    Será que teria a alegria de poder comunicar-me com você?

    Sou aluna da Especialização da UNEB de Euclides da Cunha e meu e-mail é ilzateomar@hotmail.com.

    Um abraço sertanejo.

    Ilza Carla Reis

    ResponderExcluir
  22. Querido(a) novo(a) amigo(a),estou precisando muito da ajuda de todos os amigos. estou montando uma minibiblioteca comunitária pra crianças e adolescentes na minha comunidade carente aqui no Rio de Janeiro,se voce puder me ajudar estou fazendo uma campanha de doações. pode doar qualquer quantia no Banco do Brasil agencia 3082-1 conta 9.799-3, ou pode doar livros ,ou pode doar máquina de costura, ou pode doar retalhos, ou pode doar computador usado. se quizer fazer aguma doação entre em contato com meu email: asilvareis10@gmail.com ,eu darei o endereço de remessa. se voce não puder me ajudar com doações pode divulgar minha campanha, tenho 2 blogs no google gostaria da sua visita: Eulucinha.blogspot.com ,obrigado pela sua atenção.

    ResponderExcluir
  23. Que alegria imensa reencontrar meu professor, e poder cohecer ainda mais a sua arte. O blog está lindo, navegava pela internet e tudo estava no lugar, 'como se faltasse alguma coisa', agora encontrei!:)
    Sucesso!
    Simone Santos Rasslan

    ResponderExcluir
  24. Parabéns, mas principalmente obrigada por sua poesia!
    Anna Traiano
    www.amoresias.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  25. Tammy Miranda Almeida Silva29 de março de 2010 14:49

    Uma honra ser aluna desse MESTRE!

    Tammy Miranda.

    ResponderExcluir
  26. Antônio Brasileiro,

    Eu o assisti na Academia de Letras da Bahia e desde então o seu site é uma fonte permanente de pesquisa para mim. Eu pertenço a uma escola de poesia e sempre estou procurando novos poemas e autores. Há pouco fui à Argentina e tive dois grandes prazeres:falei "Inscrição para uma Lareira" de Quintana junto às chamas que aqueciam o ambiente nevado do Sky Nórdico e trouxe um livro de Alejandra Pizarnik, que pesquisei nele.
    Hoje, dia do amigo, estou sugerindo um brinde com o seu poema "Cálice" no meu blog www.verapassos.blogspot.com
    Seja bem vindo ao universo dos blogueiros,
    Um abraço.

    Vera Passos

    ResponderExcluir
  27. Desde Lisboa trago o meu aplauso pelo alto voo da sua poesia.
    Com uma reverência, Senhor Poeta.
    Tania Alegria

    ResponderExcluir
  28. Até que um dia te encontrei.
    Um amigo , há muito anos, recitoume um poema chamado SATORI : .... o poeta vivia só, e as moscas o não incomodavam, vez por outra comia uma banana... o silêncio fazia cócegas e ele dava infinitas gargalhadas.
    Não sei se o poema é seu mas, se for, gostaria muito de saber em qual dos livros foi publicado - pois foi uma das coisas mais geniais que já ví em letras. Abraço ZAnoni

    ResponderExcluir
  29. XOXÓ ISOLADO BOTA A BOCA NO MUNDO
    Para Léo Créte: amiga, irmã

    Só eu
    que sou
    a biba
    poetisa!

    O resto?
    O resto
    é tudo
    enrustida.

    Mayrete e
    Carlete
    são como
    chiclete,

    grudadas,
    surradas,
    caçando
    pivete;

    disfarçam o
    raibã,
    mas fazem
    boquete.

    A Guga,
    minha filha,
    imita
    a Ivete,

    mostrando a
    calcinha,
    só vive
    de frete;

    se faz
    de santa,
    mas abre
    o leque!

    A Inácia,
    coitada,
    odeia a
    Guguete

    e assiste
    de noite a
    novela
    das sete,

    só fala
    em cavalo
    mas gosta é
    de jegue.

    Vivia
    colada
    na tal
    Elizete,

    bicha
    mendiga,
    adora
    croquete!

    Um dia a
    Leílta
    pintou
    o sete,

    chamaram
    a Inácia
    de puta
    peguete,

    babava
    demais
    os pobres
    dos mestres.

    Tem uma
    que é velha
    um caco, a
    caquete,

    é a tal
    da Espinha,
    que é burra e
    repete

    o tempo
    inteiro
    o mesmo
    claquete.

    Antonia
    de Feira
    roçava a
    Perréte,

    uma bicha
    nervosa
    com muito
    topete.

    Silvéria
    maluca,
    careca e
    solerte

    armou
    um plano
    de ser
    a vedete

    mais lida,
    cozida,
    comida,
    um crepe,

    porém,

    não tinha
    recheio
    o doce
    da Grete.

    E eu sou a
    Xoxó
    te dando
    tabefe.
    Caribó

    ResponderExcluir
  30. como escravo da dor, do amargo fel e da rutilância, q fazes brotar no âmago mais puro...afaste o mundo do arrebol brasileiro, pois nasce a ira de um vão pesadelo.Passo p deixar-lhe um distante abraço...
    P.S.mb

    ResponderExcluir
  31. Brasileiro, descobri você na blogosfera! Que bom! Preciso muito falar com você, porém perdi seu email. Escreva-me: angelavilma@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  32. VIII CONCURSO PLÍNIO MOTA DE POESIAS 2011 (MACHADO-MG). FALEM COMIGO!

    A ACADEMIA MACHADENSE DE LETRAS (Machado-MG) comunica que estão
    abertas as inscrições para o VIII Concurso Plínio Motta de Poesias, do
    ano 2011.
    Entrem em contato para adquirir o Regulamento:
    a/c Carlos Roberto machadocultural@gmail.com
    ESTE CONCURSO ESTÁ ABERTO PARA TODOS!

    OBS: O VALOR DA INSCRIÇÃO ( 2 REAIS) PODE SER COLOCADO DENTRO DO ENVELOPE COM AS 6 CÓPIAS DA SUA POESIA.

    ResponderExcluir
  33. Adorei te encontrar, vc me ensinou os primeiros acordes musicais e tocavamos flautas com algumas apresentações. Vcs sempre foi especial e ajudou em meu conhecimento cultural, incentivando e apoiamdo, não so eu ais uma turma que tinhe vc com referencia.
    Rosário Marques

    ResponderExcluir
  34. A vida é incrível aos poucos desvenda mistérios, antes invisíveis, porém sonhado, imenso desejo de realizar o que a esperança tem como meta. (Salusa)

    Parabéns, encantada com seu espaço. Feliz Páscoa ao homem talentoso que acabo de descobrir.

    ResponderExcluir
  35. Alguns Itelectuais feirenses falta bom senso! (BOM SENSO- define a capacidade média que uma pessoa possui, ou deveria possuir, de adequar regras e costumes a determinadas realidades, e assim poder fazer bons julgamentos.)

    ResponderExcluir
  36. Só de pensar que vai ocupar a cadeira do Jorge Amado, ele deve está se revirando no tumulo, e é mais triste ainda quando dizem "Foi eleito por unanimidade" Pasmém! Não houve concorrente gente, pelo amor de Deus, nou teve disputa e mais rídiculo ainda é o Tal Brasileiro aceitar, Que vergonha...que tristeza...

    ResponderExcluir